Tamanho texto:

-A A +A

Alto contraste:

  • White/Black
  • Padrão

Current Style: Padrão

Linhas de Pesquisa

 

O programa está composto por uma área de concentração – estudos étnicos e africanos – e duas linhas de pesquisa complementares e inter-relacionadas.

 

A linha de pesquisa Estudos Étnicos contempla pesquisas sobre populações afro-brasileiras e afro-americanas, a partir de sua relação com a tradição acadêmica sobre a teoria da etnicidade. No que diz respeito à América Latina, o programa enfatiza o estudo das relações raciais, das chamadas “culturas negras” e das populações afro-americanas. As relações entre indígenas e os demais componentes raciais da população também são abordadas, na medida em que, na América Latina, as formas de se conceber e conceituar o índio e o mestiço estão fortemente relacionadas com as formas pelas quais as noções de negro e de mestiçagem foram historicamente pensadas.

 

A linha de pesquisa Estudos Africanos enfoca a África, com ênfase nas formulações sobre etnicidade, identidade, gênero e raça, a partir do estudo da história e cultura do continente. A África e os estudos africanos influenciaram profundamente o pensamento dos principais intelectuais, e as formulações teóricas sobre as quais operam as ciências sociais e humanas contemporâneas. Portanto, esta problemática já deveria haver sido contemplada pela universidade moderna. Infelizmente isto não costuma acontecer. Nosso programa pretende, de maneira multidisciplinar, refletir sobre tais questões e reconhecer a importância da África – tantas vezes silenciada – no processo de construção do conhecimento ocidental.

 

Ambas as linhas de pesquisa enfatizam a abordagem comparativa, por permitir visualizar de forma mais clara o geral e o particular no que tange às problemáticas etno-raciais da América Latina e África, bem como os fenômenos que ligam e separam as diferentes nações e regiões. O mundo afro-latino e a África podem e devem, em muitos aspectos, ser pensados como partes integrantes de um conjunto, sem uma rígida separação.